Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação

Siqueira Campos, sábado, 29 de janeiro de 2022 Telefone (43) 3571-1122

Atendimento Atendimento: De Segunda a Sexta das 8:00 às 17:00 Horas

Meio Ambiente e Agricultura - Sexta-feira, 13 de Agosto de 2021

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

Projeto Angra Doce

Projeto reúne 15 cidades e 2 estados


Projeto Angra Doce

SOBRE O ANGRA DOCE

A Lei Federal 13.921 de 04/12/2019, instituiu a região de Angra Doce como Área Especial de Interesse Turístico, composta por vários municípios dos Estados de São Paulo e Paraná, como Chavantes, Ribeirão Claro, Carlópolis,Siqueira Campos, Ourinhos, Salto do Itararé, Tamburi, Ipaussu, Canitar, Fartura, Itaporanga, Piraju, Bernardino de Campos, Barão de Antonina, entre outros.

Com o protocolo, a região do Angra Doce passou a ser formalmente reconhecida como área de especial interesse turístico. O objetivo é utilizar o turismo para promover o desenvolvimento sustentável integrado da região, aliado à conservação dos recursos naturais, fomento da economia local, geração de emprego e renda e melhoria da qualidade de vida da população, elevando o IDH-M da região.

A região é propícia para a prática de vários esportes, como rafting, canoagem, mergulho, trekking, asa delta, voo livre, paraglider, parapente, equitação, passeios náuticos e pesca esportiva. Também possui cachoeiras, trilhas, praias artificiais e lugares históricos. O nome Angra Doce se deve à semelhança entre a paisagem formada pelas águas esverdeadas da represa e pelas inúmeras ilhotas da costa fluminense de Angra dos Reis.

Segundo estimativas da Associação Turística do Norte Pioneiro do Paraná (Aturnorpi), cerca de 375 mil pessoas já frequentam anualmente os atrativos da região, que tem recebido investimentos de resorts, hotéis e pousadas, além de outros empreendimentos que geram atualmente cerca de 8,5 mil empregos diretos e indiretos.

Junto aos atrativos da represa, as rotas turísticas são também ativos importantes nesse processo. A Rota do Rosário, que passa pela região de Angra Doce, é um roteiro de mais de 600 quilômetros por 17 cidades dos Campos Gerais e do Norte Pioneiro e agrega 16 santuários. Já a Rota do Café, que passa pelo Norte do Paraná, trabalha com produtos de Indicação Geográfica e outras produções agrícolas e soma 30 pontos turísticos, incluindo museus, fazendas, cafeterias e até vinícolas. 

Siqueira Campos faz parte desse grande projeto!

FacebookTwitterWhatsAppImprimir

Voltar para a listagem de notícias

UNIDADES FISCAIS

Fique por dentro dos índices - ver todas

VR - 2021

R$ 286,13

Governo Municipal de Siqueira Campos - PR.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.